KR QUANTEC embala garrafas de champanhe na Piper-Heidsieck & Charles Heidsieck

A tradição pode andar de mãos dadas com a inovação tecnológica: isso é comprovado através de duas das maiores marcas de champanhe. Robôs KUKA assumiram a desembalagem das garrafas na Piper-Heidsieck e Charles Heidsieck.

Prestígio internacional para uma casa bem francesa

Fundadas respectivamente em 1785 e 1851 como empresas de renome internacional, as casas de champanhe Piper-Heidsieck e Charles Heidsieck são duas referências "made in France". Desde julho de 2011 elas pertencem 100% à família Descours. Philippe Soriano, Gerente Técnico, é o responsável pela construção de novas instalações e pelos investimentos nos meios de produção. Ele explica que o crescimento das duas casas os levou a deixar as maravilhosas instalações no coração de Reims, para, desde 1995, mudar gradativamente a um local mais funcional na periferia da cidade. Os tanques, as linhas de produção, assim como os setores administrativos, estão alojados em moderníssimos edifícios, enquanto que as adegas permaneceram no centro da cidade.
Os tanques das casas de champanhe Piper-Heidsieck e Charles Heidsieck estão instalados em prédios ultramodernos.

Robótica para um máximo em flexibilidade 

Quando em 2011 Philippe Soriano refletiu sobre uma solução rápida e flexível para substituir a máquina velha, que foi utilizada para o processo de desembalagem das garrafas após o enxágue, ele recorreu à empresa Fege, integrador líder no mercado da indústria de envase e parceiro oficial de longa data da KUKA.

A principal dificuldade encontrada pela Fege consistia na grande diversidade de formatos de garrafas utilizados e nos tipos de armazenamento (Champanhe ou Borgonha). 

A função especial está na diversidade dos formatos de garrafas e tipos de armazenamento.
De fato, as produções variam conforme os diferentes volumes (meia garrafa, 75 cl, Magnum) ou diferentes formas (Champanhe, Piper RARE ou a nova garrafa Crayère). Consequentemente um simples manipulador não era suficiente para dominar estes formatos. Por isso, a Fege projetou e desenvolveu uma célula de robô que atendesse a esses requisitos. Um robô KUKA QUANTEC K (montado em console) retira as garrafas de champanhe dos contentores para colocá-las em uma esteira transportadora que as transporta aos processos de embalagem. A engenhosidade desta célula consiste na simplicidade da ferramenta de garra, na qual se trata de rampas de sucção sem elemento móvel. Na mudança dos tipos de garrafas, o operador troca duas rampas e duas balanças, sem que seja necessária uma ferramenta. Para facilitar o trabalho do operador foram atribuídos determinados códigos de cores aos diversos formatos de garrafa: assim, para um contentor verde para garrafas no formato "x", a garra do robô corresponde na mesma cor.
 

Robô KUKA é eficiente e confiável

Outra vantagem desta instalação é que através do robô de console é possível mergulhar bem fundo no engradado, utilizando-se uma garra que é relativamente curta em sua altura. Com isso é contornada a utilização de contentores de menor profundidade com uma capacidade reduzida. Decisivo para Philippe Soriano em sua escolha foi a simplicidade da solução desenvolvida pela Fege. "A verdadeira dificuldade consiste em fazer de modo simples!", explicou. Pois uma instalação simples proporciona eficiência e manutenção simples. Outra vantagem do robô consiste no fato de ele apresentar um índice de falha extremamente baixo – um fator determinante em uma velocidade de transbordo de 4.500 garrafas por hora.
O KUKA QUANTEC K tem uma ferramenta de garra com rampas de sucção sem elemento móvel. 

Depois que a célula estava instalada, notamos que o robô KUKA realmente é muito silencioso, uma característica que sabemos apreciar!

Philippe Soriano, Gerente Técnico

Adaptação rápida a novas tendências

A tendência no mercado da champanhe consiste em criar garrafas cada vez mais desejadas e de qualidade superior, em especial para a exportação. Sabendo-se que 50% da produção vai para o exterior (em especial para a Ásia, onde existe uma forte procura por produtos de luxo), é necessário poder se adequar rapidamente a estas novas tendências e, por isso, equipar-se com meios de produção extremamente flexíveis. 

A Piper-Heidsieck e Charles Heidsieck souberam ajustar-se perfeitamente a isso, integrando a inovação tecnológica ao serviço de um design alinhado à modernidade, sob conservação de um produto excelente de tradição ancestral.

Nós utilizamos cookies para oferecer a você o melhor serviço online. Saiba mais.

Ok