Escolha a sua localização:

País

Robô de reciclagem em uso contra lixo eletrônico

A reciclagem dos bens de consumo eletrônicos exerce um papel essencial para uma economia circular sustentável. Contudo, a reciclagem de lixo eletrônico pode ser prejudicial à saúde humana, por isso é um campo de aplicação ideal para a robótica e automação. A empresa irlandesa de tecnologia Votechnik desenvolveu uma instalação com um KR QUANTEC, que domina estes desafios.


Projeto ALR-4000: Com automação contra o lixo eletrônico perigoso 

Gases, como o mercúrio e componentes com cantos vivos, tornam a desmontagem de displays e monitores com tecnologia LCD (Liquid Crystal Display) perigosa para o ser humano. A empresa irlandesa de tecnologia Votechnik desenvolveu para isso a aplicação automatizada ALR-4000. Como componente principal é usado um robô industrial KUKA KR QUANTEC. Através da exaustão dos gases perigosos e da remoção de elementos com cantos vivos, como lâmpadas fluorescentes e monitores, a célula não apenas elimina os riscos para o homem, mas também combate o aumento das montanhas de lixo eletrônico.
Do problema à solução: um KR QUANTEC da KUKA se dedica à reciclagem de monitores LCD

200 milhões de televisores LCD e possíveis consequências

Os efeitos dos televisores LCD sobre o meio ambiente são enormes. A cada ano cerca de 200 milhões deles são vendidos no mundo todo. Assim resultam fluxos de resíduos que, em seguida, devem ser destinados de forma eficiente, econômica e segura. Especialistas presumem que o gás de efeito estufa 'escondido' trifluoreto de nitrogênio, que é usado para a produção de televisores de tela plana, poderia acelerar o aquecimento global mais do que as centrais termoeléctricas alimentadas a carvão. Mesmo assim, a demanda dos consumidores por tais equipamentos mostra que cada vez mais eles são lançados nos fluxos de resíduos. Lisa O'Donoghue, fundadora e diretora da Votechnik explica: "O mundo inteiro avança para uma economia circular, e a Europa é líder em iniciativas como o Green Deal e o plano de ação para a economia circular. Tais iniciativas são urgentemente necessárias para que os materiais provenientes dos produtos, que usamos atualmente, sejam reencaminhados ao circuito."
Televisores LCD são produzidos em grandes quantidades, e cada vez mais eles chegam aos fluxos de resíduos

Reciclagem: Riscos reduzidos para o homem graças à robótica

Com a ALR-4000 da Votechnik, este lixo eletrônico pode ser processado de forma automatizada e destinado de modo seguro. No passado, muitos destes produtos eram descartados em aterros sanitários, sendo que o mercúrio podia infiltrar-se no solo e na água. Se o mercúrio, que existe nas lâmpadas de descarga de gás dos aparelhos, entrar na cadeia alimentar, isso pode causar efeitos neuromusculares e falhas cognitivas. Em um televisor típico de 40 polegadas podem ser encontrados cerca de 18 m de lâmpadas finas com mercúrio. "Esta área é uma aplicação ideal para a robótica. As máquinas não são agredidas pelos produtos químicos, principalmente quando estão preparadas corretamente para isso", enfatiza Brian Cooney, Managing Director da KUKA na Irlanda.
O caminho seguro para reciclar lixo eletrônico – a instalação automatizada ALR-4000 com robô KUKA
Reciclagem de resíduos automatizada: o KR QUANTEC pontua aqui com a sua robustez e precisão de repetição

KR QUANTEC: Componente principal da reciclagem

Através da automação do processo com robôs de reciclagem, é suprimido o contato humano com gases nocivos e cristais líquidos, bem como o risco de, por exemplo, se ferir em cacos de vidro que ocorrem ao puxar lâmpadas fluorescentes e telas de televisão. A instalação está equipada com o robô industrial KR QUANTEC da KUKA com alta capacidade de carga. "O KR QUANTEC é o nosso robô mais ecológico, ele se adapta perfeitamente ao ambiente de uma reciclagem de resíduos", diz Brian Cooney. O KR QUANTEC se destaca pela excepcional eficiência operacional, uma colocação em funcionamento e manutenção econômicas. Graças à sua estrutura modular, o número de componentes é bastante reduzido, o que contribui para a minimização da necessidade de manutenção. Conceitos inovadores de cabeamento e alimentação de energia reduzem adicionalmente os custos operacionais. Além disso, o próprio robô pode ser reciclado em 90 por cento.

Liberação valiosa, encapsulamento perigoso

Enquanto o trabalho manual e o risco são minimizados, a ALR-4000 aumenta a produtividade, em comparação com o procedimento manual, de cinco aparelhos para 60 aparelhos por hora. Um aumento de 1.200 por cento. Além disso, a máquina pode trabalhar vinte e quatro horas por dia. "Vemos tecnologias como a nossa como pioneiras para o processamento com alta produtividade, para separar os valiosos materiais dos resíduos, mas também para remover as substâncias nocivas e coletar as substâncias perigosas no processo", diz Lisa O'Donoghue, CEO da Votechnik. Uma vez que o processo de limpeza ocorre dentro da ALR-4000 fechada, um sistema de filtragem a carvão instalado assegura que os gases nocivos sejam coletados e não liberados na atmosfera.
Alto rendimento: a instalação automatizada recicla 60 aparelhos por hora

Os filtros de bloco de carvão permitem o sistema plug and play

Os filtros de bloco de carvão trabalham de forma extremamente eficaz na filtragem de impurezas, inclusive gases perigosos, de modo que a Votechnik conseguiu criar um sistema "plug and play". Na destinação dos aparelhos LCD, a ALR-4000 está exposta a diversos desafios: diferentes formas e tamanhos, marcas e modelos. As configurações LCD podem conter mais de 150 parafusos e diversos dispositivos de fixação com cola, fitas adesivas ou amarradores de cabos. Alguns têm alto-falantes em cima ou embaixo, ou até mesmo um tocador de DVD na parte de trás. Por isso, a Votechnik realizou quatro rodadas de desenvolvimento ao longo de dez anos, para criar uma máquina automatizada robusta, capaz de lidar com uma série de iterações LCD.
A célula ALR-4000 sabe lidar automaticamente, mesmo com diferentes tipos de fixação
Um projeto com futuro: o robô de reciclagem assume a desmontagem de displays LCD

KR QUANTEC robusto e confiável como parceiro

O KR QUANTEC contribui com uma parcela considerável para que isso agora tenha dado certo. O robô industrial é muito rígido, confiável e tem precisão de repetição, mas também tem a capacidade de carga para manusear grandes cargas – incluindo ferramentas pesadas no braço do robô. Sua robustez o torna o parceiro ideal em um ambiente de reciclagem de resíduos, no qual é necessário um alto grau de habilidade automatizada para executar as funções com muita precisão.

Serviço e suporte a nível mundial

Outro aspecto para a Votechnik foi um suporte a nível mundial para o robô, uma vez que as células ALR-4000 devem ser usadas globalmente na reciclagem de resíduos. Por isso, a presença global da KUKA e a capacidade de suporte internacional para as máquinas ALR-4000, foram de grande importância na decisão pelo KR QUANTEC. Após um tempo de desenvolvimento de dez anos a ALR-4000, como solução de reciclagem automatizada, poderia ser considerada como uma resposta ao grande número de desafios trazidos pela indústria de bens de consumo eletrônicos.
O KR QUANTEC libera valiosas matérias-primas dos resíduos

Encontre um System Partner KUKA perto de você

Encontre aqui o parceiro apropriado para o seu ramo ou para a sua demanda.

Este site utiliza cookies (mais sobre isso), para lhe oferecer também o melhor serviço online. Se você continuar a usar o nosso site, somente usaremos cookies tecnicamente necessários. Se você clicar em ""OK e descubra a KUKA"", você também concordará com o uso de cookies de marketing. Com um clique em ""Configurações de cookies"" você pode escolher, quais cookies nós usamos.

Configurações de cookies